Religião do Neopentecostalismo

Sendo uma vertente dissonante do evangelicalismo, o Neopentecostalismo, pode ser conhecido também pela nomenclatura de Terceira Onda do Pentecostalismo. Em alguns outros países esse movimento pode receber o nome de Carismático, contudo, no Brasil essa denominação fica reservada a um movimento que existe dentro da própria igreja católica.

A principal igreja desse movimento no Brasil é a Igreja Universal do Reino de Deus, porém, existem outras como a Igreja Renascer em Cristo e a Igreja Internacional da Graça de Deus. Dentre os principais diferenciais da fé dos neopentecostais estão crer na palavra concedida pós-Bíblia assim como os dons do Espírito Santo, dom da cura, dom de profetizar e o falar em línguas (dom que recebe o nome de glossolalia).

Hierarquia

Uma das grandes diferenças dessa igreja é a organização da sua hierarquia, pois seguindo preceitos que se aproximam do Protestantismo Apostólico as igrejas neopentecostais aceitam a organização com as figuras de um presidente que pode ser bispo, missionário e pastor da igreja e que tem a responsabilidade de guiar os rumos da instituição no país em que ela se encontra.

No Que Acreditam os Neopentecostais?

Na religião do neopentecostalismo é possível encontrar crenças bastante interessantes em comparação com outras religiões que derivaram da mesma origem. De uma forma geral essa religião também prega que o homem está sempre na luta do bem contra mal inclusive dentro de si mesmo.

Faz parte dos ensinamentos dessa religião a ideia de possessão, isto é, que o demônio pode entrar no corpo de algumas pessoas lhes tirando a razão e maldições de caráter hereditário de maneira que os familiares do desafortunado não poderiam se livrar da alcunha atribuída a ele.

Para os neopentecostais o símbolo máximo de sua religião são os dons do Espírito Santo. Tais dons seriam concedidos a alguns afortunados que passariam então a realizar coisas magnificas como poder falar em outros idiomas sem prévio estudo, o que citamos como glossolalia no início do texto, fazer profecias e até mesmo ser capaz de realizar a cura. 

A Doutrina Neopentecostal – Confissão Positiva

Uma das doutrinas mais discutidas e conhecidas da religião do neopentecostalismo é a da confissão positiva. Basicamente o que essa doutrina significa é que o cristão que segue essa religião expressa sua fé através daquilo que a sua boca diz. Por isso para os neopentecostais é tão importante que os adeptos da religião tenham uma vida boa em diferentes prismas.

Um cristão que leva uma vida medíocre em termos de trabalho, bem-estar e saúde está na verdade demonstrando que não tem fé, pois a fé também é o que ele manifesta de positivo em sua vida. Sendo assim para os neopentecostais a busca por uma vida tranquila e com bem-estar financeiro assegurado é de grande importância. Aqueles que são pobres, fracassados ou doentes demonstram que tem alguma maldição em suas famílias (o conceito de maldições hereditárias). 

Religião e Metafísica Juntas?

Um dos motivos que torna a religião do neopentecostalismo bastante criticada por outras religiões de origem protestante é a mistura que ela faz dos ensinamentos dos dons do Espírito Santo com alguns conceitos do agnosticismo (crença que define que a existência de Deus não pode ser provada por métodos empíricos).

Essa combinação começou com os ensinamentos que foram passados por Essek William Kenyon e Mary Baker que fizeram essa conexão entre os desafios estabelecidos pela metafísica e a religião neopentecostal. Quando o assunto é Deus devemos admitir que existem muitos questionamentos sem respostas e por isso uma religião que abraça essa ideia se torna imediatamente mais atraente.

Os Grupos Neopentecostais

Para se ter uma ideia do tamanho do alcance da religião do neopentecostalismo existem em torno de 19.000 nomes ou grupos definidos com cerca de 295 milhões de adeptos. Contudo, devemos considerar que muitos grupos não aparecem inclusos nesse número uma vez que muitos grupos que seguem os ensinamentos neopentecostais não tem nome ou se autodefinem como tal. 

O Uso dos Aparelhos das Massas

Um fato bastante interessante que caracteriza as igrejas neopentecostais é o fato de que grande parte delas faz uso de aparelhos de condução das massas como TVs, rádios, editoras, jornais, portais de notícias na internet entre outros. Em nosso país podemos observar exemplos bastante claros disso através de igrejas que mantêm empresas de comunicação com o objetivo de ajudar a difundir a sua fé assim como promovem a comercialização de produtos religiosos.

O Embate dos Pentecostais e os Neopentecostais

Embora os dois grupos religiosos coexistam apresentam distinções entre si. Podemos dizer que a principal diferença entre esses dois grupos é que o neopentecostal tem uma fé com base sobrenatural muito mais arraigada que os pentecostais. Como pudemos verificar ao longo do texto para aqueles que seguem essa religião conceitos de maldições, batalhas espirituais, curas milagrosas entre outros são entendidos como comuns.

Outro ponto em que existe divergência entre os dois grupos é que para os pentecostais a religião deve ser muito mais severa em relação a costumes do que para os neopentecostais. Podemos observar uma doutrina muito mais flexível no segundo grupo que no primeiro, algo que tem conquistado muitos adeptos nos últimos tempos. 

As igrejas da religião neopentecostalismo não se autoproclamam como as únicas igrejas verdadeiras como muitas igrejas de outros segmentos fazem. Em geral essas igrejas buscam incluir nos seus preceitos essas outras igrejas. Existe uma conversa entre as igrejas e a igreja do neopentecostalismo.

O Que Dizem os Críticos da Religião do Neopentecostalismo?

As igrejas que seguem o movimento neopentecostal recebem duras críticas de outras igreja, sobretudo, das pentecostais por ter como sua base a Teologia da Confissão Positiva que é entendida como herética. O que tornaria esse conceito tão ruim sob o ponto de vista dos críticos é que ele tira o poder absoluto de Deus.

A soberania de Deus é um dos pontos-chave das religiões protestantes e por isso mesmo seguir pelo caminho doutrinário da confissão positiva faria com as religiões neopentecostais não fossem de verdade protestantes. Os críticos ainda destacam que existem distorções na forma como o neopentecostalismo entende doutrinas como a doutrina da graça e do ascetismo. 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Religiões

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.