Santa Rita de Cássia

Conhecida como a santa das causas impossíveis, Santa Rita de Cássia, tem uma história muito interessante marcada por muito sofrimento incluindo até mesmo a morte de seus filhos. Com o nome de batismo de Margherita Lotti, a santa nasceu na cidade de Roccaporena, Itália, no ano de 1381 e faleceu no ano de 1457 em Cássia. Sua beatificação aconteceu no ano de 1627 e a canonização pela Igreja Católica ocorreu no ano de 1900.

A História de Vida de Santa Rita de Cássia

O Episódio das Abelhas Brancas

Um episódio que ocorreu na infância de Santa Rita já indicava que ela era especial, os pais de Rita, Antonio e Arnata, levavam a filha ainda bebê num cestinho que deixavam a sombra de uma árvore enquanto trabalhavam. Um dia, logo após ter recebido o batismo na Igreja Santa Maria dos Pobres, a bebê estava no local de costume em seu cesto quando muitas abelhas brancas a cercaram.

Seus pais alarmados foram verificar o que acontecia e quando se aproximaram perceberam que as abelhas depositavam mel na boca da criança sem lhe dar uma ferroada sequer. Para os católicos as abelhas e o mel significam “doce conversação”, isto é, alguém que tem grande facilidade em conversar com Deus. Para se ter uma ideia o mesmo aconteceu também a Santo Ambrósio, Bispo de Milão. Ao longo da história de Santa Rita é possível perceber como essa capacidade de conversar com Deus e ter seus pedidos atendidos fez toda a diferença.

O Casamento de Santa Rita

O nome Rita vem do seu nome de batismo Margherita, sua vida nunca foi fácil, pois seus pais a obrigaram a se casar com um homem de temperamento violento. Durante muitos anos Santa Rita sofreu com as agressões constantes de Paulo Ferdinando. Como era uma mulher de muita fé, Rita, sempre rezou para que o marido se tornasse uma pessoa mais tranquila. As orações dela parece terem sido ouvidas e a harmonia foi estabelecida em seu lar.

Porém, um dia Paulo foi brutalmente assassinado e seu corpo deixado a beira de uma estrada. Rita e Paulo tinham dois filhos que quando souberam do ocorrido juraram que iriam vingar o pai. Mesmo com todo o sofrimento da situação Rita orou para Deus que não permitisse que seus filhos sujassem suas mãos de sangue. Ela chegou a pedir que antes que eles se tornassem assassinos viessem a falecer. Deus parece ter ouvido o pranto dessa mãe desesperada e os dois filhos dela faleceram.

Convento das Agostinianas de Cássia – O Ingresso

O sofrimento da perda do marido e de seus dois filhos fez com que Rita desejasse então se recolher no Convento das Agostinianas de Cássia. Porém, ela não foi aceita na primeira tentativa. Após essa recusa Rita fez o que sempre fazia em situações difíceis, orou para os santos de sua devoção que eram Santo Agostinho, São João Batista e São Nicolau de Tolentino. Nas suas orações pediu para que fosse aceita no convento, pois desejava terminar a sua vida em recolhimento.

Finalmente, Rita conseguiu ingressar no convento e lá viveu os últimos 14 anos de sua vida, ela faleceu em 1457. Um dos fatos que contribuiu para que a santa fosse aceita no convento foi o estigma que lhe marcava a testa em referência a paixão de Cristo. Para os católicos estigma é uma ferida feita por santos em seus corpos com o objetivo de representar as chagas de Cristo.

Por que Santa das Causas Impossíveis?

Quando Santa Rita faleceu ela era adorada como protetora contra a peste, pois durante muito tempo se dedicou a cuidar dos doentes, mas nunca contraiu a doença. Exatamente por esse feito ela passou a ser conhecida como santa das causas impossíveis. Existe um pedaço de sua história, que não é confirmado, em que se diz que ela conseguiu a cura de seu cunhado da peste somente com suas orações. Assim se percebe que ela fazia seus pedidos com verdadeiro fervor sendo eles então atendidos.

Chegada de Santa Rita de Cássia ao Brasil

A chegada dessa santa italiana ao Brasil se deu através de uma família de devotos que trouxe imagens e a sua fé nela. Não demorou até que a fé nessa santa se espalhasse pelo Vale do Sapucaí, em Minas Gerais. Esse é um dos estados mais religiosos do Brasil e tem em Santa Rita de Cássia uma das santas mais adoradas.

O Santuário de Santa Rita de Cássia em Minas Gerais

No estado mineiro está localizado o Santuário de Santa Rita de Cássia que todos os anos recebe uma grande quantidade de romeiros que desejam fazer pedidos, orações e agradecer bênçãos recebidas. Nos finais de semana esse semana esse santuário abre as suas portas para fiéis de outras igrejas contando inclusive com o trabalho de uma equipe de acolhida.

Nesse santuário é possível encontrar três relíquias dessa santa que são: imagem reproduzida em tamanho natural que foi enviada diretamente de Cássia, uma partícula de seus ossos e seu hábito. Um lugar que se destaca bastante para quem tem na fé uma base importante para a sua vida. Um espaço muito interessante para ser visitado para quem gosta de fazer turismo religioso e para quem deseja fazer um pedido para a santa das causas impossíveis.

Oração Para Santa Rita

Para quem tem algum pedido a fazer e acredita que ele é impossível de ser atendido pode ser interessante orar para Santa Rita. A seguir a oração que deve ser feita diariamente para a santa.

“Ó Deus,

que vos dignastes conferir à Bem-aventurada Rita tamanha graça que,

havendo-vos ela imitado no amor dos seus inimigos,

trouxesse no coração e na fronte os sinais de vossa caridade e sofrimento,

concedei-nos,

vos suplicamos,

que pela sua intercessão e merecimentos

amemos os nossos inimigos,

e com o espinho da compunção perenemente

contemplemos as dores de vossa paixão

e assim mereçamos o prêmio por vós prometido

aos que choram e têm manso o coração.

Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos. Amém.”

Faça essa oração tendo em mente qual o pedido que deseja que se torne real, mesmo que ele seja impossível existe a possibilidade de que a interseção dessa santa te aproxime da realização. Com Santa Rita não há causa que seja muito difícil ou impossível de ser realizada. Contar com o auxílio de uma santa poderosa como essa realmente faz a diferença.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Santos

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.