Santos Católicos e Suas Histórias

É nítido para muitas pessoas que a religião é um dos motrizes da humanidade, já que, desde os primórdios da raça humana, já se falava em divindades que seriam as responsáveis pela criação da vida no planeta, e que, tudo o que acontecia no cotidiano, tinha uma justificativa, que era atribuída a essas divindades.

E, dentre as mais de três mil religiões existentes no planeta hoje, uma se destaca como sendo a maior, que é o Cristianismo. A atual dimensão cristã no mundo hoje se dá por conta da grande influência desta no planeta, desde o nascimento de Jesus Cristo, seu maior profeta, até a perseguição da religião pelos romanos e, curiosamente, pela seguida elevação da religião cristã como religião oficial do Império Romano, até a Idade Média, onde o apogeu cristão ocorreu.

Hoje, o Cristianismo não exala mais tanta influência como antigamente, mas ainda têm uma certa força entre as pessoas. Prova disso são os mais de 2,2 bilhões de fieis espalhados pelo mundo, e vários templos grandes dedicados às pessoas importantes da religião cristã. Por exemplo, no Brasil, que é o país com maior número de católicos no mundo, está incrustado, no Vale da Paraíba, no interior de São Paulo, o maior Templo dedicado a Maria em todo o planeta: o Santuário Nacional de Aparecida, em Aparecida do Norte.

E, por falar em Nossa Senhora Aparecida, ela é uma das personalidades mais importantes na religião católica, já que, como muitos acreditam, ela é considerada a “mãe de Deus”. E, não é só ela que é lembrada e venerada, outras pessoas que colaboraram com o Evangelho e na sua pregação às pessoas também foram lembradas. Nesse post de hoje, serão mostrados alguns santos e santas do catolicismo, e um breve resumo sobre a sua história. Confira.

O Santos Católicos Mais Conhecidos

Para que alguém venha a se tornar santo ou santo da Igreja Católica, é necessário que esse tenha sido alguém que, de alguma forma, pregou a palavra do Evangelho às outras pessoas, seja pelo que ela foi, pelas suas ações, enfim.

Antes de receberem esse título, as personalidades se tornam beatos, e, depois que milagres ou outros acontecimentos atribuídos a eles forem confirmados por uma comissão especializada do Vaticano, começa o processo de canonização, e é aí que a pessoa irá virar um santo.

Nossa Senhora Aparecida

É válido mencionar que Nossa Senhora é, na realidade, Maria, considerada, como já dito anteriormente, a mãe de Deus. E, dentro da religião católica, ela tem diversas representações, e a Nossa Senhora Aparecida é uma delas. A sua história começou em 1717, quando pescadores que realizavam seu trabalho no Rio Paraíba, depois de muito jogarem a rede e não conseguirem nada com ela, resolveram tentar mais uma vez. Ao jogar, pescaram uma imagem de Nossa Senhora da Conceição sem a cabeça; jogando novamente, pescaram a sua cabeça. Depois disso, jogaram as redes novamente e vieram tão cheias de peixes que quase afundaram o barco. A partir daí, tal evento foi atribuído à Nossa Senhora da Conceição, “Aparecida” das águas. A partir daí a devoção à santa que apareceu no rio começou a crescer a tal ponto que foi necessária a construção de um templo que pudesse comportar as pessoas, e assim foi construindo igrejas até que, em 1955, a pedra fundamental da Basílica de Nossa Senhora Aparecida foi lançada, e, hoje, é um dos maiores templos católicos de todo o planeta.

Santa Rita de Cássia

Conhecida como a Santa das Causas Impossíveis, Rita de Cássia tem uma história bastante comovente.  Quando criança, já aspirava viver segundo os mandamentos de Jesus e tomava como exemplo a Sagrada Família, querendo ter uma também, mas casando apenas por amor, a contragosto de seu pai, um juiz de paz, que preferia um casamento para igualar as classes. No entanto, o primeiro milagre na vida de Santa Rita foi o seu casamento com um homem que ela amou: Paulo, mas que se revelou violento depois do matrimônio. Rita conseguiu com que ele se convertesse, e, dessa união, nasceram dois filhos gêmeos: Tiago e Paulo.

Rita ficou viúva anos depois, quando seu marido foi assassinado por desavenças com o dono do feudo onde moravam. Seus dois filhos, também, vieram a perecer por causa da peste humana. Depois desses baques em sua vida, Santa Rita desejou viverem um mosteiro onde só se recebia mulheres solteiras. Antes de ser aceita, Santa Rita provou às irmãs que era uma pessoa ligada à cristo, depois de cuidar de enfermos e outras pessoas que necessitavam de ajuda.

Durante alguns anos de sua vida, Rita viveu com uma ferida em sua testa, como sinal de um pedido dela que sofresse juntamente como Jesus sofreu com sua coroa de espinhos. Morreu em 1457, mas só teve o pedido de canonização aceito em 1900.

São Benedito

Conhecido santo dos cozinheiros, São Benedito era oriundo da Itália, e muito conhecido por ser humilde e não medir esforços para ajudar o próximo. Tendo decidido viver sua vida em Cristo, renunciou à tudo e todos, indo viver nas ruas. Por conta de muitos acreditarem que ele era um ser iluminado pelo Espírito Santo, pediam orações e conselhos.

Foi elevado ao posto de cozinheiro de um convento, e lá sempre trabalhou com humildade e alegria. Mas, preocupado com os irmãos que viviam na rua e que eram mais pobres do que ele, São Benedito sempre levava alguns mantimentos da cozinha para essas pessoas. Uma história diz que, em uma dessas saídas, o novo superior do convento (o antecessor havia sido o próprio Benedito) questionou o cozinheiro sobre o que ele levava embaixo das roupas. Serenamente, Benedito afirmou que eram rosas. E, quando ele abriu suas roupas, caíram grandes e belas rosas, e não os mantimentos que Benedito havia escondido.

No Brasil, o Santo é venerado principalmente pelos Negros, lembrando nele a luta pelo fim da escravidão e do preconceito sofridos por eles. Benedito recebeu o título de santo pelas mãos do Papa Pio VII, em maio de 1807, onde passou a se chamar São Benedito.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Santos

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.